Este site usa cookies para garantir que você obtenha a melhor experiência.



Foto por: Câmara de Rio Preto
Custo per capita da Câmara de Rio Preto é um dos menores da região

Em apenas um ano, Câmara de Rio Preto custa R$ 49,22 para cada rio-pretense 

Por: Heitor Mazzoco
24/09/2020 às 21:39
Bastidores

Gastos dos Legislativos das 10 maiores cidades da região chegam a R$ 56,7 milhões


A conta...
Para bancar os gastos da Câmara de Rio Preto, cada morador da cidade pagou R$ 49,22 no ano passado para arcar com R$ 22,6 milhões (salários e custeio). Pela média, em quatro anos, o valor per capita fica aproximadamente em R$ 200.  

...de cada um... 
Entre as 10 maiores cidades da região de Rio Preto, cada morador de José Bonifácio bancou R$ 86,28 para o pagamento de R$ 3,1 milhões gastos em um ano no Poder Legislativo. Já em Novo Horizonte, o custo da Câmara local foi de R$ 3 milhões. Por habitante, R$ 73,78. 

...é alta 
Em Fernandópolis, o custo da Vereança foi de R$ 4,7 milhões em 2019. Assim, cada morador bancou R$ 68,55. Em Catanduva, os R$ 8 milhões gastos pelo Legislativo divididos entre a população custaram R$ 65,92. Já em Votuporanga, os moradores pagaram R$ 59,98 para custear R$ 5,6 milhões. 

Gastos milionários 
Olímpia também segue o ritmo dos gastos acima de R$ 1 milhão. Lá, cada cidadão pagou R$ 57,77 para cobrir despesas de R$ 3,1 milhões. Na sequência aparece Jales (R$ 50,89 para gastos de R$ 2,4 milhões), Santa Fé do Sul (R$ 48,63 para custeio de R$ 1,5 milhão) e Mirassol (R$ 46,14 para bancar R$ 2,7 milhões). 

Metodologia 
O "Mapa das Câmaras" é um programa elaborado pelo Tribunal de Contas do Estado de São Paulo (TCE-SP) com dados das cidades paulistas desde 2018, que visa dar transparência aos gastos de manutenção dos legislativos municipais. 







Anunciar no Portal DLNews

Seu contato é muito importante para nós! Assim que recebemos seus dados cadastrais entraremos em contato o mais rápido possível!