Este site usa cookies para garantir que você obtenha a melhor experiência.



Foto por: Divulgação
Deputado Luiz Carlos Motta (PL-SP)

Demissão em massa é evitada graças a derrubada de veto articulada por deputado de SP

Por: Divulgação
02/12/2020 às 14:46
Brand News

Luiz Carlos Motta (PL-SP), apoiador dos interesses trabalhadores, votou pela derrubada do veto que atinge mais de seis milhões de empregados


O Congresso Nacional derrubou, no mês passado, veto do presidente Jair Bolsonaro sobre à desobrigação da folha de pagamento em 17 setores da economia, nas áreas de comunicação, tecnologia, transporte coletivo, construção civil e têxtil. 

A medida foi incluída em um projeto emergencial de manutenção de empregos e permite que as empresas paguem alíquotas de 1% a 4,5% ao invés de 20% sobre a folha de salários. Companhias argumentam que o fim da desoneração, em um momento de crise, geraria demissões em massa. 

Com 430 votos a favor e 33 contra, a lei estabelece a prorrogação da desoneração até 31 de dezembro de 2021. Motta afirma que "neste momento de incertezas na economia e o fechamento de milhares de postos de trabalho, a prorrogação da desoneração da folha de pagamento é fundamental para a manutenção de empregos”.

Centrais sindicais e associações dos setores contemplados organizaram vários protestos pela derrubada do veto presidencial na Avenida Paulista, além da derrubada do veto, os grupos pedem prorrogação do auxílio emergencial e o aumento do benefício. 










Anunciar no Portal DLNews

Seu contato é muito importante para nós! Assim que recebemos seus dados cadastrais entraremos em contato o mais rápido possível!