Este site usa cookies para garantir que você obtenha a melhor experiência.



Foto por: Divulgação - Agência Brasil
Deputado Fausto Pinato (Progressistas-SP) é acusado por Eduardo Cunha de pedir R$ 5 milhões em troca de "facilidades" no processo de impeachment de Dilma.

Deputado Fausto Pinato é acusado de pedir R$ 5 mi no processo de impeachment da ex-presidenta Dilma Rousseff

Por: Melissa Cerozzi
02/04/2021 às 16:16
Política

A acusação é feita pelo ex-presidente da Câmara, Eduardo Cunha, em livro e foi revelada nesta sexta (2) em entrevista à Revista Veja. Pinato foi relator do processo de impeachment.


O ex-presidente da Câmara Federal Eduardo Cunha acusa o deputado federal da região Fausto Pinato (Progressista-SP) de pedir R$ 5 milhões no processo de impeachment contra a ex-presidenta Dilma Rousseff (PT), em 2016. 

A revelação foi feita em entrevista à Revista Veja, publicada nesta sexta (2), e consta em um dos trechos do livro Tchau, Querida – O Diário do Impeachment, escrito por Eduardo Cunha. No livro Cunha revela os bastidores do processo de impeachment que ocorreu há cinco anos. Cunha foi condenado a 15 anos e 4 meses pelos crimes de corrupção passiva, lavagem de dinheiro e evasão de divisas. 

Entre as acusações, o ex-presidente da Câmara afirma que Pinato pediu dinheiro em troca de "facilidades”. Segundo a reportagem da Revista Veja, Cunha disse que "Fausto Pinato estava disposto a arquivar, segundo o que me trazia o deputado André Moura, que se tornou o meu interlocutor com ele. Só que, oportunista, pediu, por intermédio de Moura, 5 milhões de reais”. 

Procurada pelo DLNews, a assessoria de Fausto Pinato disse que irá responder em nota. Por ora, reforçou que o deputado está indignado e que mantém a resposta à reportagem da Veja: que irá processar Eduardo Cunha.







Anunciar no Portal DLNews

Seu contato é muito importante para nós! Assim que recebemos seus dados cadastrais entraremos em contato o mais rápido possível!