Este site usa cookies para garantir que você obtenha a melhor experiência.



Foto por: Divulgação
Cantora Elis Bohrer

Cantora traz empoderamento feminino para live musical em Rio Preto

Por: Da Redação
04/02/2021 às 10:00
Cultura e Diversão

Live musical "A Casa" traz também como temática a luta contra o racismo e a liberdade de expressão


A intérprete e compositora Elis Bohrer realizará no dia 21 de fevereiro a live musical "A Casa", que traz como principais temáticas o empoderamento feminino, a luta contra o racismo e a liberdade de expressão.  

"O projeto ’A Casa’ é fruto de um amadurecimento pessoal vivenciado principalmente durante a pandemia, período que tem evidenciado o quanto a mulher é privada, muitas vezes, do seu próprio corpo, ou seja, não tem o controle de onde quer estar e o que deseja fazer. Principalmente após a maternidade, que nos seus primeiros anos já priva a mulher de muitas coisas, devido a vivermos em uma sociedade em que quando se tem um filho, a mulher sempre fará mais o papel de cuidadora em relação ao homem nós estamos de uma certa forma acostumados com isso, chega a ser automático, mas é preciso virar essa chave", diz a cantora.  

Acompanhada pelo seu convidado e parceiro musical Sandro Soarez (violão) e com participação especial do baterista Rogerio Pinheiro, Elis levará ao palco virtual seu trabalho autoral e clássicos da Música Popular Brasileira. A artista convida o público a refletir sobre o indivíduo enquanto morada, independente do lar e corpo em que habita. A casa vivente, pulsante e pensante é capaz de conectar-se com outras moradias, criar redes para fomentar a evolução humana.  
 
"Fazendo uma reflexão sobre Rio Preto, podemos perceber a quantidade de ocorrências registradas diariamente de violência doméstica. Pra se ter uma noção de o quanto a pauta é urgente na cidade, a cada dez vítimas de violência doméstica, 7 já foram agredidas antes de registrar boletim de ocorrência policial. Ou seja, muitas mulheres rio-pretenses são lesadas várias vezes antes de tomar coragem para denunciar, isso é gravíssimo! Mostra o quanto as mulheres da nossa cidade temem a força masculina, que muitas vezes é usada contra elas. Isso faz parte de um machismo estrutural que foi alimentado desde a fundação da cidade, e que precisa ser desmontado, não é uma questão de ter o posicionamento político de centro, esquerda ou direita, estamos falando sobre vidas", afirma. 
 
Este projeto é realizado com recursos da Lei nº 14.017/2020, Lei Aldir Blanc. 
 
Serviço:  
A Casa – Elis Bohrer  
Data: 21/02/2020 
Horário: 18h  
Onde assistir: Canal Bohrer Elis no Youtube (https://www.youtube.com/channel/UC5a1dWjlFT0XIIk_ai-4rgg







Anunciar no Portal DLNews

Seu contato é muito importante para nós! Assim que recebemos seus dados cadastrais entraremos em contato o mais rápido possível!