Este site usa cookies para garantir que você obtenha a melhor experiência.



Foto por: Acervo pessoal
O jornalista Greison de Melo

OPINIÃO: Acelerar para o futuro

Por: Greison de Melo
19/11/2020 às 16:40
Opinião

Um dos polos de desenvolvimento do Estado de São Paulo, Rio Preto frequentemente integra a elite em rankings sociais, mas costuma também frequentar o pelotão do meio quando o assunto é renda


Eleição é passado. É claro que se pode extrair dela muitas lições, mas, seja como for, venceu quem venceu, perdeu quem perdeu. Pronto. Agora, é transformar a nova realidade político-administrativa dos municípios em ganhos para a comunidade. É hora de a cidade ganhar.

Rio Preto escolheu para governá-la pelos próximos quatro anos duas personalidades muito interessantes: o advogado Edinho Araújo (MDB), com forte perfil desenvolvimentista, e o economista Orlando Bolçone  (DEM), dono de uma grande capacidade em planejamento aliada a uma aguçada visão de potencialidades econômicas.

É a chance de o município ser direcionado para um forte crescimento econômico sustentado, crucial para a melhoria da qualidade de vida e de renda da população para a próximas décadas.

Um dos polos de desenvolvimento do Estado de São Paulo, Rio Preto frequentemente integra a elite em rankings sociais, mas costuma também frequentar o pelotão do meio quando o assunto é renda. Isso porque a economia do município ter a virtude de estar lastreada em atividades diversificadas, porém com a deficiência de serem de baixo valor agregado.

Edinho já anunciou, durante a campanha, que seu vice terá a incumbência de dinamizar o Parque Tecnológico. Esta decisão é estrategicamente importante para Rio Preto, que abriga um grande número de empresas voltadas à tecnologia da informação e importantes corporações que fabricam produtos para saúde alta performance. Estas empresas têm a capacidade de oferecer produtos e serviços de alto valor agregado ocupando espaços territoriais relativamente pequenos.

Mas a cidade pode ter um futuro ainda mais promissor se souber explorar vocações ainda somente no plano das potencialidades. É o caso, por exemplo, do setor de logística. O município está no entroncamento de duas das principais rodovias brasileiras, a Transbrasiliana (BR-153) e a Washington Luiz (SP-310), que dão acesso ao norte e ao sul do País e ligam o centro-oeste aos porto de Santos e de São Sebastião. No mesmo sentido, passam por aqui os trilhos da Ferronorte, que vão ser interligados com a Norte-Sul. 

Também conta com um dos principais aeroportos paulistas em volume anual de carga transportada e está próxima a uma das principais hidrovias brasileiras.

Rio Preto também pode melhorar a exploração do turismo local e regional, da indústria de eventos, da formação acadêmica e de outras atividades. 

Sem dúvida, Edinho e Bolçone têm as condições necessárias para acelerar o desenvolvimento da cidade, transformando estas potencialidades em realidade, e colocar a cidade entre as líderes brasileiras em inovação, em qualidade de vida e em renda. Perfil e capacitação para isso eles já demonstraram ter de sobra. Vamos ao futuro, então. 


Greison de Melo é jornalista  especializado em noticiário econômico. É autor do livro São José do Rio Preto – Desenvolvimento & Negócios (Acirp, já na 3ª edição). Também atua como consultor de empresas em assuntos regulatórios nas áreas da Anvisa e do Mapa.







Anunciar no Portal DLNews

Seu contato é muito importante para nós! Assim que recebemos seus dados cadastrais entraremos em contato o mais rápido possível!