Este site usa cookies para garantir que você obtenha a melhor experiência.



Foto por: Acervo pessoal
O jornalista Willian Batista

OPINIÃO: Ache a saída, eleitor

Por: Wiliam Batista
13/11/2020 às 08:34
Opinião

Novas rupturas se fazem necessárias nessa Eleição e as competências de ocupantes de cargos públicos mudaram


A 2 dias das eleições brasileiras, pesquisas de opinião e sondagens em grupos de whtas indicam que a maioria do eleitor já decidiu o seu voto para prefeito. Mas o inverso acontece com o voto para vereador. Mais da metade dos eleitores ainda não sabe em quem votar para as 17 cadeiras da Câmara Municipal e pretende decidir o seu candidato na última hora.

Por ser um cargo visto muitas vezes como porta de entrada para a carreira política, somos dominados por um entendimento tradicionalista dessa função pública: atender a população mais pobre da sociedade; arrumar empregos; fazer solicitações diversas às secretarias do município e propor projetos de leis populista. E aí está o erro.

O Poder Legislativo é tão importante quanto o Executivo e juntos formam o equilibro do sistema democrático. É na Câmara Municipal que leis capazes de mudar o futuro da cidade são e devem ser discutidas. Como exemplo, cito o Plano Diretor, importante direcionamento do crescimento da cidade.

Penso que nossos futuros vereadores devem ficar de olho nas mudanças provocadas pela pandemia da Covid-19, no avanço das startups e das empresas e novo comportamento do consumidor. Precisamos de gente criativa, com capacidade de diálogo e com visão empreendedora na Câmara Municipal. Acima de tudo, gente capaz de encontrar recursos e saídas no Orçamento Público para nossos problemas, criando estímulos que produzam grandes resultados.

Precisamos de gente que, ao pisar em um posto de saúde ou em um distrito industrial, volte para a Câmara Municipal para discutir ideias e propor novas soluções. Ou seja, achar saídas que possam resgatar a reputação do Poder Legislativo perante a sociedade. Esse pensamento representa um porção significativa do eleitorado que quer ver o Brasil andar direito. 

Novas rupturas se fazem necessárias e as competências de ocupantes de cargos públicos, sejam vereadores ou assessores, mudaram. Por isso a necessidade de escolher candidatos que estejam preparados para renovar e fazer a diferença no exercício da função, com austeridade fiscal e criatividade.

É preciso descartar candidatos que defendam velhas premissas sobre aquilo que julgam ser de interesse do eleitorado. Reduzir os vereadores a "facilitadores” de pedidos de lombada e favores na estrutura pública é uma visão errada. É um voto ao retrocesso do sistema democrático.

Como cidadãos, temos que motivar nossos familiares, amigos e trabalhadores a votar em candidatos que acreditamos que irá propor soluções viáveis, longe de populismo, para os problemas da nossa cidade.

Não há manual de instruções para a maioria dos problemas enfrentados pela cidade, mas, de um jeito ou de outro, os eleitores precisam achar uma saída. A renovação da Câmara Municipal é um começo.

Wiliam Batista é jornalista, empreendedor e ativista social.







Anunciar no Portal DLNews

Seu contato é muito importante para nós! Assim que recebemos seus dados cadastrais entraremos em contato o mais rápido possível!