Foto por: Washington Alves/Reuters
Enquanto Cássio, caído lamenta, Nathan festeja gol do Atlético-MG sobre o Corinthians

Com 3 gols em 9 minutos, Atlético-MG vira contra o Corinthians

Por: FOLHAPRESS - LUCIANO TRINDADE
12/08/2020 às 22:00
Esportes

SÃO PAULO, SP (FOLHAPRESS) - O Corinthians estreou no Campeonato Brasileiro com uma derrota de virada para o Atlético-MG, por 3 a 2, depois de abrir dois gols de diferença no Mineirão, nesta quarta-feira (12).

Com atuações distintas em cada tempo, a equipe comandada por Tiago Nunes sofreu três gols em 16 minutos.
Na etapa inicial, o time paulista havia aberto vantagem com Jô e Araos, mas, logo depois do intervalo, viu o ex-palmeirense Hyoran marcar duas vezes e Nathan virar a partida.
O jogo com o time mineiro foi o primeiro compromisso dos corintianos no Nacional porque a equipe não atuou na abertura do torneio, já que disputou a final do Paulista no último final de semana com o Palmeiras, quando foi derrotado nos pênaltis após empate por 1 a 1 no tempo normal.
Nesta quarta, o Corinthians, inicialmente, apresentou uma postura diferente daquela que o time teve no dérbi. A equipe apostou nos contra-ataques e construiu sua vantagem ao ser preciso nas duas chances que teve para marcar.
Mesmo com os desfalques de Gil, Fagner e Carlos Augusto na defesa, os corintianos controlavam bem as chegadas do adversário. No gol, Cássio dava a segurança de sempre.
Por ironia, no entanto, foram justamente erros do goleiro corintiano, juntamente com o posicionamento dos defensores, que permitiram a virada do clube mineiro. Dos três gols dos donos da casa, dois deles saíram em bolas que normalmente Cássio conseguiria defender.
As falhas da defesa ofuscaram o que poderia ter sido a grande noite do atacante Jô. Com o gol que ele fez, o jogador aumentou sua marca como maior artilheiro da equipe na era do Brasileiro de pontos corridos -a partir de 2003. Agora, são 32 gols marcados. O meia Jadson, o segundo nesta lista, balançou as redes 27 vezes.
Saiu dos pés dele, ainda, a assistência de letra para Araos, no lance em que o chileno fez o seu primeiro gol com a camisa corintiana.
Além dos desfalques na zaga, o Corinthians também não contou com Luan, que fez falta sobretudo no segundo tempo, quando o time apresentava dificuldades para construir suas jogadas na busca pelo empate.

ATLÉTICO-MG
Rafael; Guga, Alonso, Réver, Guilherme Arana; Jair, Alan Franco (Savarino), Nathan (Allan); Marquinhos (Hyoran), Keno (Fábio Santos), Marrony (Mariano). T.: Jorge Sampaoli

CORINTHIANS
Cássio; Michel, Bruno Méndez, Danilo Avelar, Sidcley; Gabriel, Ederson (Gabriel Pereira), Araos (Ruan Oliveira), Ramiro (Janderson); Vital (Cantillo), Jô. T.: Tiago Nunes

Estádio: Mineirão, em Belo Horizonte
Juiz: Wagner do Nascimento Magalhães (Fifa/RJ)
Gols: Jô, aos 12min, e Araos, aos 29min do primeiro tempo (Corinthians); Hyoran, aos 7min e aos 12min, e Nathan, aos 16min do segundo tempo (Atlético-MG)

Publicado em Wed, 12 Aug 2020 21:32:00 -0300






Anunciar no Portal DLNews

Seu contato é muito importante para nós! Assim que recebemos seus dados cadastrais entraremos em contato o mais rápido possível!