Este site usa cookies para garantir que você obtenha a melhor experiência.



Polícia identifica suspeito de agredir empresário em Copacabana

Por: FOLHAPRESS -
07/12/2023 às 10:00
Brasil e Mundo

SÃO PAULO, SP (FOLHAPRESS) - Policiais do 13º Distrito Policial, em Ipanema, afirmam ter identificado o criminoso que agrediu e roubou o empresário Marcelo Rubim ...


SÃO PAULO, SP (FOLHAPRESS) - Policiais do 13º Distrito Policial, em Ipanema, afirmam ter identificado o criminoso que agrediu e roubou o empresário Marcelo Rubim Benchimol, 67, no domingo (3), em Copacabana, na zona sul do Rio de Janeiro.

Segundo a Secretaria de Estado de Segurança Pública, o homem tem nove anotações criminais por roubo, furto e tráfico de drogas desde a adolescência. Após completar a maioridade, ele já foi preso duas vezes.

O nome do homem não foi divulgado. Os policiais tentam identificar outros envolvidos e reunir provas para concluir o inquérito.

Benchimol foi atacado por um grupo de jovens. A ação foi flagrada por câmeras de segurança, que registraram a vítima levando um soco no rosto e desmaiando. O empresário havia tentado defender uma mulher que seria assaltada. Após cair, ele foi roubado.

A vítima prestou depoimento e outras apurações foram realizadas para identificar o agressor.

Uma moradora que vive há 60 anos em Copacabana afirmou à Folha que o bairro virou um ponto de guerra e é cada vez mais comum ver grupos de criminosos cercando as pessoas e roubando.

Após casos de assaltos com agressões físicas, moradores do bairro criaram grupos para caçar suspeitos. Vídeos publicados nas redes sociais mostram bandos que estariam agredindo jovens que seriam criminosos.

Em nota, a Polícia Civil afirmou que "tomou conhecimento da situação" e que "diligências estão em andamento para identificar os envolvidos e esclarecer os fatos".

O secretário de Segurança, Victor Santos, criticou a ação. "Quem tenta fazer justiça com as próprias mãos é tão criminoso como quem rouba ou atenta contra a vida da população. A polícia está nas ruas e pronta para fazer o papel dela", afirmou.

A Polícia Militar informou que Copacabana recebe policiamento do batalhão da área, das UPPs (Unidades de Polícia Pacificadora) da região e dos programas Bairro Presente e Segurança Presente, além de apoio do policiamento da Operação Verão.

Nos últimos dez dias, ao menos 150 pessoas foram encaminhadas para a delegacia do bairro e 58 levadas para abrigos municipais. Onze facas foram encontradas com suspeitos de crimes, quatro pessoas foram presas e seis adolescentes foram apreendidos.

"A legislação penal vigente tem favorecido a reincidência desses crimes", afirma nota da Polícia Militar sobre roubos e furtos.






Publicado em Thu, 07 Dec 2023 09:35:00 -0300







Anunciar no Portal DLNews

Seu contato é muito importante para nós! Assim que recebemos seus dados cadastrais entraremos em contato o mais rápido possível!