Foto por: Ivan Feitosa/SMCS
Prefeito Edinho Araújo

Prefeitura espera arrecadar ao menos R$ 27 milhões com venda de terrenos

Por: Lucas Israel
27/11/2019 às 18:07
Política

A Prefeitura de Rio Preto espera arrecadar ao menos R$ 27 milhões com a venda de 15 áreas para a construção de imóveis populares. A Câmara de Rio Preto irá votar nesta quinta-feira (28) projeto de lei que permite a venda dos terrenos para a construção de "empreendimentos multifamiliares”.

Ao todo as áreas somam 86.760 mil m² em diversos pontos da cidade, todos próximos a residenciais construídos recentemente. O pagamento das áreas será feito apenas à vista. Como há subsídios para a construção dos imóveis, o valor de mercado das áreas, orçado em R$ 55 milhões, não será atingido.

O subsídio às áreas será de 50% do valor do terreno em caso de construção de imóveis para famílias com renda de até três salários mínimos e de 25% no caso dos compradores dos imóveis terem de 3 a 5 salários mínimos.

"A presente propositura tem por escopo, além do fomento às atividades de construção civil, gerando emprego e renda, principalmente dar consistência ao Programa Municipal de Habitação para ampliar o acesso das pessoas ao direito constitucional à moradia”, afirmou o prefeito Edinho Araújo na justificativa do projeto de lei.

As áreas a serem vendidas estão nos bairros: residencial Caetano, Clube V, Recanto Duas Vendas, Jardins Rio Preto, residencial Maria Adélia, Nunes 2, Rio das Flores, Rios d’Itália, Rios Di Spagna, Setparque e Parque da Liberdade.






Anunciar no Portal DLNews

Seu contato é muito importante para nós! Assim que recebemos seus dados cadastrais entraremos em contato o mais rápido possível!